• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • Capa planto maior
    • banner PRT12
    • CLIQUE NA IMAGEM A ACESSE AS INFORMAÇÕES
    • CLIQUE NA IMAGEM PARA REGISTRAR SUA DENÚNCIA
    • Clique na imagem e saiba o que é, o que faz e como trabalha a Ouvidoria do MPT
    • CLIQUE NA IMAGEM PARA TER ACESSO ÀS RECOMENDAÇÕES

    MPT ajuíza dissídio coletivo de greve à paralisação anunciada no SAMU e 80% das atividades deverão ser mantidas no período

    Florianópolis - O Ministério Público do Trabalho em Santa Catarina (MPT-SC) ajuizou junto ao Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região, dissídio coletivo de greve com pedido de tutela de urgência, diante do anúncio de paralisação na próxima segunda-feira (22.02), dos empregados da OZZ Saúde da Grande Florianópolis, que fazem o atendimento pelo SAMU.

    Imprimir

    Comunicado: Feriado de Carnaval e Quarta-feira de Cinzas

    Florianópolis – De 15 a 17 de fevereiro não haverá expediente na sede e nas seis unidades municipais do Ministério Público do Trabalho em Santa Catarina (MPT-SC), em virtude do Carnaval (independente da suspensão do ponto facultativo pelo Estado e municípios) e da Quarta-feira de Cinzas. O feriado acompanha o calendário do Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região (TRT-SC).

    Neste período, denúncias e Peticionamentos Eletrônicos poderão ser registrados normalmente pelo site www.prt12.mpt.mp.br. Em caso de emergência entre em contato com as equipes de Plantão da PRT12.

    As atividades normais serão retomadas na quinta-feira (18/02), ainda por meio de teletrabalho, em função da pandemia da Covid-19.

    Fonte: Assessoria de Comunicação MPT-SC

    Coordenação: Fátima Reis

    Estagiários: Erick Vinícius da Silva Souza
                      Jade Kalfeltz

    (48) 32519913 / 988355654/ 999612861

    Publicado em 11/02/2021

     

    Imprimir

    Para MPT, vacinação contra a Covid-19 é direito-dever de empregadores e empregados

    Guia Técnico esclarece que vacinação é medida de proteção coletiva, de obrigatoriedade para empregadores e empregados, e traz as repercussões do tema nas relações trabalhistas

    Brasília – O Ministério Público do Trabalho (MPT) entende que a vacinação contra a Covid-19 é direito-dever de empregadores e empregados em atenção ao Plano Nacional de Vacinação, considerando-se os aspectos epidemiológicos que exigem a vacinação em massa para contenção e controle da pandemia. Para a instituição, é importante destacar também a recente decisão do Supremo Tribunal Federal e as legislações pertinentes, que determinam a obrigatoriedade da vacinação.

    Imprimir

    Procurador lotado em SC assume gerência nacional do MPT

    Dr. Piero vai comandar o Projeto “Acessibilidade e Inclusão no Mercado de Trabalho de Pessoas com Deficiência e Reabilitados”

    Florianópolis - O Procurador do Trabalho Piero Rosa Menegazzi, lotado na Procuradordia do Trabalho no Município de Blumenau, do Ministério Público em Santa Catarina ( MPT-SC) foi designado gerente nacional do projeto "Acessibilidade e Inclusão no Mercado de Trabalho de Pessoas com Deficiência e Reabilitadas" do MPT. Para vice gerente foi niomeada a Procuradora do Trabalho Sueli Teixeira Bessa, da PRT 17. A Portaria n° 1876.2020 foi assinada pelo Procurador Geral do Trabalho, Alberto Bastos Balazeiro.

    Imprimir

    • banner audin mpu
    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner transparencia
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos
    • Observatorio Saude no Trabalho
    • Observatorio Trabalho Escravo